imagem375_2-1900x700_c

O que é a gripe H1N1?

Postado em 30 de maio de 2018 com 0 comentários

A gripe H1N1 é uma doença originada a partir da mutação do vírus influenza. A H1N1 com alto potencial patológico para organismos sem imunidade prévia, foi detectada pela primeira vez na pandemia em 1919, também conhecida como gripe suína ou gripe A. Diferente da gripe comum, seus sintomas são repetidos, porém fortes, podendo ocorrer febre > 38ºC, tosse seca, dores no corpo, dores na garganta e de cabeça, espirros, calafrios, fadiga ou cansaço, diarréia; vômito e em alguns casos levar o paciente a óbito.

Alerta:

Os profissionais alertam que a exposição de pessoas nos espaços públicos aumenta o risco de contrair o vírus, pois o contato com objetos contaminados, gotículas respiratórias no ar e contato com a saliva de alguém contaminado são as formas de transmissão da doença. As pessoas infectadas pelo vírus da gripe H1N1 pode transmiti-lo para outra pessoa entre 24 horas e 7 dias depois da contaminação, ou seja, medidas preventivas devem ser tomadas através da imunização contra a doença.

Quem pode tomar a vacina? Quais são os grupos de risco?

O sistema público e privado de saúde oferece a vacina de prevenção da gripe H1N1, esta pode ser recebida por todas as pessoas, porém para os grupos de risco ela é indispensável. Esses grupos são profissionais da área de saúde, pessoas com mais de 60 anos, grávidas com 12 semanas de gestação, mães com até 45 dias pós-parto e crianças de 6 meses a 5 anos, população indígena, pessoas privadas de liberdade, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e doenças que aumentam o risco de complicações em decorrência da influenza.

shutterstock_164433818-810x615

Quais são os efeitos colaterais?

A vacina pode ter efeitos colaterais que variam de pessoa para pessoa, como dor no local, vermelhidão na pele (eritema), febre, mal-estar, dores musculares e reações de hipersensibilidade. É contraindicada em pessoas com alergia a ovo, pois pode causar sintomas de alergia, essas pessoas podem receber a aplicação da vacina apenas no hospital com supervisão médica. Todas as pessoas devem permanecer em observação por 15 minutos antes de serem liberadas.

Devo me vacinar todo ano?

Após tomar a dose da vacina contra o vírus H1N1 repita o procedimento anualmente, pois a taxa de proteção da vacina começa a cair após os meses, é preciso se manter protegido dos sintomas indesejáveis. A vacinação ainda é a melhor forma de prevenção de contrair o vírus.

Gostou da nossa matéria? Deixe um comentário.

Referências:
https://minutosaudavel.com.br/o-que-e-gripe-h1n1-sintomas-prevencao-e-transmissao/
http://www.bbc.com/portuguese/brasil-43805104
https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/gripe-h1n1/

 

Tags: dores musculares, efeitos colaterais, gripe H1N1, Influenza, Saúde, Sintomas da Gripe h1N1, vacina para H1N1

Comentários

Atendimento Online Medicina Nuclear